Fechar

Thank you

O viajado Schoggi da Suíça

O Schoggi, que é distribuído diariamente pela SWISS cerca de 45 000 vezes, é um pequeno agradecimento aos passageiros – e uma prova deliciosa de uma coisa pela qual a Suíça é conhecida mundialmente.

Fechar

Da África Central

A origem do grão de cacau

A base do chocolate é o grão de cacau da mata tropical. Após a colheita, as frutas do cacaueiro são cortadas e cobertas com folhas de bananeira. A polpa e os grãos são aquecidos sob o calor do sol: assim começa o processo de fermentação natural desenvolvendo aromas deliciosos.

Fechar

Do grão de cacau até o chocolate

Processos exigentes e completos

Depois de serem torrados, os grãos são partidos e triturados para se extrair a manteiga de cacau e o pó de cacau. Este último é enriquecido com ingredientes como açúcar e leite em pó, mexido sob temperatura, “concheado”, eliminando-se os últimos resíduos de tanino. Finalmente é misturado novamente com a manteiga de cacau para se obter o chocolate.

Fechar

Amostras

Ver, ouvir, pegar, saborear e cheirar o chocolate

Saborear chocolate apela a todos os nossos sentidos, tal como o controle de qualidade a que é submetido. Durante a pesagem pela balança, é verificado o brilho da superfície e a consistência ao quebrar e morder. O paladar e o aroma se revelam, o odor sobe pelo nariz e o chocolate se derrete na língua.

Fechar

Viscosidade

O grau de fluidez

O chocolate líquido, que é obtido na última etapa do processo e utilizado para produzir chocolates de agradecimento da SWISS, é avaliado conforme sua viscosidade e grau de fluidez. Se a consistência corresponde às expectativas, isso significa que todos os ingredientes utilizados foram perfeitamente misturados durante todas as etapas de fabricação para criar uma massa de cacau fina e macia.

Pausa
Desativar o som
_minimize Fechar